domingo, 21 de fevereiro de 2010

O Emprego Ideal Existe! - Mauro Silveira

Aproveitei o momento de "entre-safra" para ler muito... Para quem não sabe, estou tentando encontrar no mercado uma empresa que esteja disposta a me receber no time da comunicação! Sendo assim, enquanto não encontro, estou estudando e começando a escrever minha monografia de Jornalismo.
Um dos títulos que caiu na minha mão se chama "O emprego ideal existe - Como encontrar a empresa certa para você", do jornalista Mauro Silveira.
A ideia do jornalista é transformar o pensamento de quem está a procura de um emprego. Veja o que ele diz: "Não faz muito tempo as pessoas procuravam emprego da seguinte forma: compravam o jornal de domingo e iam direto para a seção de classificados. Com uma caneta na mão, marcavam os anúncios mais interessantes. Na segunda-feira enviavam dezenas de curriculos e rezavam para ser chamadas a uma entrevista. Podiam aceitar a primeira proposta mesmo que não fosse aquela que esperavam. 'Com o tempo a coisa se ajeita', pensavam. Na verdade o que faziam era tentar adaptar seu perfil ao da empresa. Agir dessa forma, é colocar na mão dos outros aquilo que o profissional tem de mais precioso: a própria carreira. E isso é um desperdício de talento, pois a carreira é responsabilidade exclusiva da pessoa."
No transcorrer das páginas uma sensação boa de que estou atenta aos sinais bons e ruins que as empresas demonstram me fez sentir melhor por muitas decisões que já tomei ao longo da minha vida profissional, que por sinal é recente... Não tem 10 anos.
Entre outros temas, a importancia do clima organizacional, do trabalho em equipe rendem boas páginas.
O capitulo sobre "o amor a camiseta mesmo quando a empresa está afundando" mostra que quando nos acomodamos não gostamos de enxergar os sinais de fumaça que a empresa nos manda... e você sabe, onde há fumaça, há fogo!
Mauro Silveira sugere que os profissionais se conheçam, saibam dos seus sonhos e objetivos para depois escolher uma empresa para trabalhar. Exemplos simples: se você é apegado a sua familia, deve escolher uma empresa com jornada reduzida, que não tenha metas... Se você é jovem, ambicioso, precisa de dinheiro, busque jornadas maiores, com pagamento diferenciado, horas extras e possíveis extras por finais de semana.
O que vemos no mercado é sempre o contrário: "cheguei aqui, acho que não tem nada melhor pra mim mesmo, então vou ficando..."
Eu estou num período de "entre-safra" como disse antes.. mas acredito que sempre é tempo de uma boa leitura, que nos abra os olhos e a mente para uma nova maneira de pensar.
Foi assim que aconteceu comigo... Hoje sei exatamente o que eu não quero. Sei muito do que quero também, mas sempre deixo um espaço para novas experiências. As empresas, as equipes nos ensinam muito, tenho certeza.
Trabalhadores do Brasil, em Comunicação ou qualquer outra área: BUSQUEM SEUS IDEIAIS E FAÇAM PARTE DE EQUIPES FELIZES!

Abração \o/

3 comentários:

Vane Gomes disse...

Mel, te digo que sim. O emprego ideal existe! Demora um pouco, mas pessoas que sabem o que querem de suas carreiras sempre encontram um lugar ao sol, onde as vezes tu até tem que abrir o grarda-sol para se esconder um pouco... Beijos Vane

Ocappuccino.com disse...

Não sei se existe o emprego ideal, mas o 'melhor emprego do mundo' existe > http://veja.abril.com.br/noticia/internacional/melhor-emprego-mundo-414063.shtml

Bom, a Vane falou que 'existe mas demora um pouco' e é mesmo esta demora, esta ansiedade que nos mata.

MATEUS

Paula Salomão disse...

Saber o que não se quer é um ótimo começo, tenho certeza disso. E também estou certa de que todo mundo pode ser brilhante e muito feliz no emprego ideal.